Açaflor, Açafrão


Nome científico
Carthamus tinctorius L. (Compostas)
Identificação
É também designado de "Falso Açafrão" ou "Açafroa", sendo muitas veses também denominado de “vermelho vegetal”, pois é usado para tingir roupa. É ainda cultivado para condimento ou corante de molhos, sendo a sua semente utilizada em farinha para o gado. É por isso uma planta bastante conhecida. No entanto, muitos desconhecem as suas qualidades medicinais. (Gardé & Gardé, 1998).
Planta anual, ramosa, espinhosa, que atinge 10 a 20 cm de altura, caule glabro, ramificado, folhas geralmente indivisas, inteiras ou dentadas, com margens espinhosas, sésseis e com rede de nervuras visíveis na página inferior. Capítulos solitáris nos caules e nos ramos. Flores todas hermafroditas, corola amarelo-alaranjada e filetes barbudos. O fruto é uma cipsela branca, lisa e de sabor amargo (Franco, 1984).
Propriedades e indicações terapêuticas
As folhas, muito ricas em vitamina C, poderiam ser usadas na alimentação humana. Toda a planta é muito rica em fosfato, podendo ser usada como enriquecimento do solo. Tanto as flores como o resultante do esmagamento das sementes, têm um forte poder purgativo e digestivo. Tem ainda uma acção tónica, aperitiva, anti-fúngica, amenagoga e anti-asmática.
Uso interno
O chá é feito com 10 g da planta/litro de água em fervura durante 3 min. Tomar 1 copo em jejum. Não deve ser tomada durante a gravidez, nem em casos de hipertensão ou de nervosismo (Gomes, 1993).
Nota: As folhas ou sementes deitadas no leite servem para coalhar.
Purgativo: tem efeito mais forte do que o Laxante.
Tónico: que fortalece e incrementa as funções do organismo.

6 comentários:

Anónimo disse...

Parabens pelo vosso projecto. Só hoje tive acesso a ele via notícia (http://www.acores.net/noticias/view-17295.html) acerca de denúncia de irregularidades no aterro sanitário de Cinco Picos. Tomei a liberdade de acrescentar o vosso link à lista do meu blogue. Octávio Lima (ondas3.blogs.sapo.pt)

Anónimo disse...

Agora é só plantinhas? Actividades? é ir ao livro e copiar?Referências bibliográficas?
E plantas dos Açores? que estão em todo o lado e não precisa plantar?
Já não têm o tão badalado CEM? Partiram os aquários? ainda servem para espécies aquáticas?
Luis

Anónimo disse...

As plantas medicinais tem o seu interesse,alem disso nao sao utilizadas apenas as plantas que nascem sem terem que ser plantadas, plantas que nao sao endemicas tambem sao muito conhecidas pelo nosso povo.Era preferivel falar de plantas que nem conhecemos?Nao me parece.
Gostei do teu trabalho,continua apesar das criticas.
Bjs,Andreia.

Manuela disse...

Vou fazer uma referência a este artigo no meu blog, pois aqui está muito bem explicadinho o que é açaflor :)

LPontes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...

Ganda desdenhoso. Faca melhor